sábado, 8 de junho de 2013

BENÇÃO

                                       DEUS USA SEU INIMIGO PARA TE HONRAR



ESTER 6

O rei lê as crônicas e determina honrar Mardoqueu

1 Naquela mesma noite fugiu do rei o sono;  então ele mandou trazer o livro de registro das crônicas, as quais se leram diante do rei.

2 E achou-se escrito que Mardoqueu tinha denunciado Bigtã e Teres, dois dos eunucos do rei, guardas da porta, que tinham procurado tirar a vida ao rei Assuero.

3 E o rei perguntou:  Que honra, ou dignidade, foi conferida a Mardoqueu por Isso?  Responderam os moços do rei que o serviam:  Coisa nenhuma se lhe fez.

4 Então disse o rei:  Quem está no pátio?  Ora, Hamã acabara de entrar no pátio exterior do palácio real para falar com o rei, a fim de que se enforcasse Mardoqueu na forca que lhe tinha preparado.

5 E os servos do rei lhe responderam:  Eis que Hamã está esperando no pátio.  E disse o rei que entrasse.

6 Hamã, pois, entrou.  Perguntou-lhe o rei:  Que se fará ao homem a quem o rei se agrada honrar?  Então Hamã disse consigo mesmo:  A quem se agradaria o rei honrar mais do que a mim?

7 Pelo que disse Hamã ao rei:  Para o homem a quem o rei se agrada honrar,

8 sejam trazidos trajes reais que o rei tenha usado, e o cavalo em que o rei costuma andar, e ponha-se-lhe na cabeça uma coroa real;

9 sejam entregues os trajes e o cavalo à mão dum dos príncipes mais nobres do rei, e vistam deles aquele homem a quem o rei se agrada honrar, e façam-no andar montado pela praça da cidade, e proclamem diante dele:  Assim se faz ao homem a quem o rei se agrada honrar!

10 Então disse o rei a Hamã:  Apressa-te, toma os trajes e o cavalo como disseste, e faze assim para com o judeu Mardoqueu, que está sentado à porta do rei;  e não deixes falhar coisa alguma de tudo quanto disseste.

11 Hamã, pois, tomou os trajes e o cavalo e vestiu a Mardoqueu, e o fez andar montado pela praça da cidade, e proclamou diante dele:  Assim se faz ao homem a quem o rei se agrada honrar!

12 Depois disto Mardoqueu voltou para a porta do rei;  porém Hamã se recolheu a toda pressa para sua casa, lamentando-se e de cabeça coberta.

13 E contou Hamã a Zerés, sua mulher, e a todos os seus amigos tudo quanto lhe tinha sucedido.  Então os seus sábios e Zerés, sua mulher, lhe disseram:  Se Mardoqueu, diante de quem já começaste a cair, é da linhagem dos judeus, não prevalecerás contra ele, antes certamente cairás diante dele.

14 Enquanto estes ainda falavam com ele, chegaram os eunucos do rei, e se apressaram a levar Hamã ao banquete que Ester preparara.

WWW.REIJESUSFOLHEADOS.TK